“Muda as estatísticas”*

Este verão, uma conhecida marca de refrigerantes lançou uma campanha com o título “Muda as estatísticas”. O objetivo era alertar para uma série de riscos previstos estatisticamente, se continuarmos a ser preguiçosos (estilo de vida sedentário).

Sejam as nossas resoluções a resposta ao desafio de um anúncio, à emoção do ano novo ou ao apelo de um retiro, o facto é que a maioria delas fica-se pelo caminho. Aliás, às vezes parece que fazemos é tudo ao contrário.

O nosso mano Paulo tinha o mesmo problema que nós. Não em relação a perder peso ou fazer mais exercício, mas em relação à sua obediência a Deus. “Encontro pois em mim esta regra: quando eu quero fazer o bem, faço mas é o mal.” (Romanos 7:21, BPT). Não te acontece o mesmo?

A verdade é que não basta reconhecermos que somos pecadores e recebermos Jesus como salvador para termos garantia que a nossa vida com Deus vai ser “sempre a subir”. Temos tentações, dúvidas, lutas, e a nossa tendência para pecar, que está em constante “guerra” com o que Deus deseja para a nossa vida.

A Bíblia dá-nos várias pistas para vivermos com Deus e para Deus:
- Vive perto de Jesus, conversa com Ele e deixa que fale ao teu coração pela Palavra“Permaneçam em mim, que eu permaneço em vós. Um ramo não pode dar fruto por si só, se não estiver unido à videira. Por isso, não podem dar fruto se não estiverem unidos a mim.” (João 15:4, BPT)
- Deixa que o Espírito Santo trabalhe no teu coração - “Mas o fruto que o Espírito produz em nós é: o amor, a alegria, a paz, a paciência, a bondade, a delicadeza no trato com os outros, a fidelidade, a brandura, o domínio de si próprio. Em relação àqueles que vivem desta maneira, a lei nem sequer tem necessidade de existir.” (Gálatas 5:22-23, OL)
- Afasta-te de situações que te possam levar a ser tentado - “Portanto, sejam submissos a Deus e resistam ao Diabo, que ele fugirá de vós.” (Tiago 4:7, BPT)
- Se apesar de tudo isso pecares, arrepende-te, pede perdão a Jesus e às pessoas que ofendeste (se existirem) - “Meus filhinhos, digo-vos isto para que se mantenham longe do pecado; mas se pecarem, existe um advogado a nosso favor junto do Pai. É Jesus Cristo, o justo.” (1 João 2:1, OL)

Estou contigo!

Ana Ramalho Rosa



*Tema da Campanha da Coca-Cola, verão 2013

in revista BSteen, setembro 2013

Texto escrito conforme o novo acordo ortográfico


Comentários

Mensagens populares deste blogue

Teresa — até que todos ouvissem...

5 mitos acerca da chamada a tempo integral

“Tá a escaldar!”