Mensagens

A mostrar mensagens de Fevereiro, 2014

O amor anda no ar

Fevereiro! Eu gosto de fevereiro! Uma das minhas irmãs faz anos neste mês, o mês é mais curto e celebramos o Dia dos Namorados.
Quando tinha a vossa idade (e não sou assim tão mais velho, só alguns anos) pensava que o Dia dos Namorados era um dia para gente chata e que não tinha mais que fazer, ou então para aqueles casais tipo Hollywood com jantares românticos, beijinhos e prendas.
A parte dos beijinhos era a que me fazia sonhar mais! Sabem, esta história da intimidade, da pureza e da virgindade pode parecer extremamente secante, chata ou humilhante. Hoje, é muito fácil trocar o amor puro pela excitação da parte física.
Sabes, durante alguns anos, eu era gozado por causa do meu aspeto e diziam-me que nunca ia conseguir namorar. Sentia-me humilhado e triste. Tentei seguir o meu caminho sem querer ouvir Jesus e magoei-me muito pelo meio. Até que um dia, decidi ouvir aquilo que Ele sempre esteve a dizer-me. Que o maior amor que existe é o que Ele tem por mim. Leio isso em João 15:13 e fic…

A verdade da mentira

Imagem
Se no mês passado falámos de Lucas e da sua investigação na busca pela verdade dos factos relativos à vida de Cristo, este mês falamos do outro lado da moeda – a mentira. “Uma mentira contada mil vezes, torna-se uma verdade”, afirmou Joseph Goebbels, o ministro de Propaganda de Adolf Hitler na Alemanha Nazi, que controlava quer os meios de comunicação quer a área da educação. De facto, este homem sabia como a manipulação dos factos pode levar as pessoas a acreditar e até dar a vida pela maior das barbaridades. Hoje, olhamos para o panorama mundial e vemos precisamente a mesma cena, com personagens e ambientes diferentes. Grandes mentiras maquilhadas e distorcidas de tal modo que pessoas sinceras, manipuladas, são levadas a defendê-las como grandes verdades. Nos momentos de solidão, quando pensamos na vida, quantas vezes nos segredam cá dentro pensamentos dissimulados que se vão tornando destrutivos, em relação a nós mesmos e aos outros, conforme pairam na nossa mente dia após dia, ano a…

A estilista bondosa

Imagem
Numa cidade da costa do Mediterrâneo, chamada Jope, vivia uma mulher muito especial, chamada Dorcas (ou Talita, em hebraico). Lucas, que escreveu o Livro de Atos, diz que ela era “uma crente que estava sempre a fazer bem aos outros, especialmente aos pobres.” (Atos 9:36, OL)Dorcas era uma espécie de “estilista”, no entanto, não fazia roupa para passagens de modelos, mas para ajudar as pessoas em necessidade.
Quando o apóstolo Pedro estava perto daquela localidade, Dorcas adoeceu e acabou por morrer. Os amigos de Dorcas sabiam que Deus fazia milagres através de Pedro, por isso pediram-lhe ajuda. Pedro foi lá. “Levaram-no ao quarto onde Tabita se encontrava. O compartimento estava cheio de viúvas que choravam e mostravam as túnicas e outra roupa que Tabita lhes fizera.” (Atos 9:39, OL)
Gostava que pensasses nisto: se “desaparecesses do mapa”, fosse porque razão fosse, qual seria o impacto disso na tua escola, na tua família, na tua igreja? Dorcas usou as suas mãos para abençoar os mais po…