Mensagens

A mostrar mensagens de Junho, 2014

O mensageiro desconhecido

Imagem
Pouca gente sabe que ele existiu, mas teve um papel importante. Fala-se dele apenas uma vez na Bíblia, em Atos dos Apóstolos, mas o nome nunca aparece. Apenas sabemos que era filho da irmã do conhecido apóstolo Paulo. Mas o que é que ele fez de especial?
Paulo estava preso, depois de ter testemunhado no Sinédrio, o tribunal religioso dos judeus (podes ler de Atos 22:30 a 23:10). Nessa noite, Deus revelou-lhe que ele irá até Roma e ali daria testemunho.
Alguns judeus levantam uma conspiração com o objetivo de matar Paulo a todo e qualquer custo. O nosso herói sem nome, o sobrinho de Paulo, “soube do plano e foi à fortaleza avisar o tio. Paulo chamou um dos oficiais e disse: ‘Leva este rapaz ao comandante, porque ele tem uma coisa para lhe contar’.” (Atos 23:16-17, BPT)
Se ele se calasse, provavelmente iria assistir ao funeral do tio dias depois. Apesar de ser ainda novo, o que poderia levar a que não acreditassem nele, teve coragem e arriscou, independentemente das consequências. O que a…

Valerá a pena?

Imagem
As minhas lutas e desafios“Os meus pais não percebem que é muito mais difícil ser cristão na minha idade do que era no tempo deles. Se queres ter amigos, basicamente tens de fazer o que os outros fazem. Eu quero ser aceite no mundo em que vivo. Como é que eu faço para que os meus pais percebam isso?”Gonçalo*
Não sei se alguma vez tiveste as mesmas dúvidas que o Gonçalo tem. Eu já tive, várias vezes. Estas e outras perguntas aparecem quando menos esperamos, mas isto não é novo. Uma das coisas mais fantásticas em relação à Bíblia é que, apesar de ter sido escrita por várias pessoas e há muitos séculos atrás, continua atual. Já nos tempos bíblicos outros crentes em Deus tiveram dúvidas. Vamos falar de um deles: Asafe, um dos principais levitas do tempo do Rei David.
UMA LUTA CÁ DENTRO “Como Deus é bom para Israel, para os que têm coração puros. Os meus pés estavam quase a resvalar, pouco me faltava para escorregar. Pois sentia inveja dos soberbos, ao ver como os maus prosperavam.” (Salmo 73…

“Se vale ‘X’...”

Imagem
Antigamente, para se fazer uma compra íamos ao mercado, a uma loja ali na esquina ou ao Centro Comercial. Hoje, podemos comprar e vender tudo (ou quase tudo) na Internet. Os sites de compra e venda por particulares, de coisas usadas ou novas, estão na moda. Precisamos ter certos cuidados quando os usamos, mas, quando tomamos as devidas salvaguardas, e a oportunidade é boa, podemos fazer bons negócios. Convém a troca ser feita num local público, de preferência acompanhados por outra pessoa. Depois do negócio fechado, paga-se o que se compra (ou recebe-se o valor do que se vendeu). Provavelmente, nunca mais vamos voltar a ver aquela pessoa, a não ser se voltemos a comprar-lhe/vender-lhe alguma coisa. Um sorriso, um aperto de mão e cada um segue o seu caminho, contente com o que ganhou no processo. O que me leva a falar sobre este tema? Talvez pareça ousado, mas penso que muitas vezes tratamos Jesus da mesma maneira com que lidamos com um vendedor ou um comprador das vendas online. É verdad…