Mensagens

A mostrar mensagens de Junho, 2006

Exaltado?

Imagem
“Não te precipites com a tua boca, nem o teu coração se apresse a pronunciar palavra alguma diante de Deus (...)”Eclesiastes 5:2
Começou o culto. O pastor anuncia um tempo de louvor e adoração. A congregação mais ou menos envolvida, repete as palavras dos coros projectados na tela. Mas será que todos sentem e concordam como aquilo que estão a cantar? Será que o louvor é mesmo dirigido a Deus? Será que a adoração vem cá do fundo?

Tantas vezes entramos na presença de Deus e dizemos autênticas barbaridades! Prometemos coisas que não desejamos fazer, ou anunciamos verdades que há muito são mentira na nossa própria vida. Precisamos estar mais atentos àquilo que dizemos a Deus com a nossa boca e o nosso coração.
In my life, be lifted high
In our world, be lifted high
I our love, be lifted high Came to the rescue – Hillsong United – United We Stand
Esta é uma das letras que tem mexido muito comigo nos últimos meses. Não sei se já existe tradução, mas em inglês é uma oração radical. Pensem comigo…

A morte do meu melhor amigo

Imagem
Abriu a caixa onde guardava recordações à espera de aliviar a dor, como quem abre um baú ansioso por descobrir um tesouro. Entre cada fotografia uma lágrima e um sentimento de perda eterna... ele tinha desaparecido daqui para sempre.

Esboçava um sorriso ao recordar aqueles momentos divertidos que passaram juntos... foram tantos, mas agora sabiam a tão pouco. Soltava uma lágrima quando pensava nas situações difíceis da vida em que estiveram juntos para se apoiar... foram intensas, mas agora pensa que podia ter feito mais e melhor.

O que podia ter ele feito para impedir aquele acidente?? É injusto! – pensava – Ele era uma pessoa espetacular.... Mas não havia mais nada a fazer. Soluçava desalmadamente ao pensar que agora era tarde demais. Como se arrancassem parte dele mesmo. Como se rasgassem o coração em pedaços, num grito silencioso de dor e perda... porque esse amigo morreu.

Como é que se sentiu João? O seu Melhor Amigo foi morto cruelmente... No sábado, João ainda ouvia o som da mul…

"Uma sandes de atum, por favor!"

Imagem
Dá o toque de saída. É hora de almoço. Ele entra no café, senta-se e pede “Uma sandes de atum, por favor!”. Na mesa em frente, quatro amigas conversam acerca das aventuras e desventuras amorosas do fim-de-semana. Entretanto, chega um casal. As miúdas ficam em silêncio e olham-nos de lado. Ele tem perto de 18, ela aparenta 16 anos. Refugiam-se na mesa do cantinho e, enquanto se envolvem entre beijos e abraços, o rapaz da sandes de atum pensa “Bolas… ainda ontem se conheceram…”
As quatro amigas retomam a conversa. Entre elas, alguém se sente triste com a felicidade ardente do “casal revelação”. Começa a soluçar, depois chora desalmadamente e conquista a consolação das outras três “Tem calma…Ele não te merecia.”. Mas deixa a lamúria e avisa enraivecida “Eles vão pagá-las!” A sandes de atum já se foi e o rapaz também. O casal não almoça. As amigas continuam na “intriguisse” aguda… e o toque lembra que está na hora de ir.

No dia seguinte, a mesma cena… mas não há sandes de atum. Vem uma t…

Vidas descartáveis

Imagem
Batatas fritas, refrigerantes, bolos, sandes, amigos… e lá estamos nós numa festa. Todos gostamos de estar com colegas, de conversar… mas na hora de limpar e arrumar é que as coisas pioram. O que vale é que alguém inventou uma coisa revolucionária e imprescindível para qualquer festa que se preze prática e moderna: os descartáveis. É rápido, simples e dá pouco trabalho…mete-se tudo num saco do lixo e pronto (ooops… mas sejam ecológicos, não se esqueçam de separar o lixo!).

Às vezes vivemos a vida como se fosse descartável. Ou seja, como se fosse para durar só um momento, um dia, uma noitada. Seguimos o que sentimos, simplesmente. Não pensamos no futuro, nem nos outros. Esquecemos que teremos a recompensa do que fazemos de certo ou errado, e adormecemos para o facto de estarmos a agradar a Deus ou apenas a nós mesmos… Usamos e abusamos da vida… ou então deixamos que nos usem, porque queremos ser aceites por aquela pessoa que amamos mas que apenas se ama a si mesma. No final, acabamos des…