Mensagens

A mostrar mensagens de Abril, 2014

A testemunha corajosa

Imagem
Escrava, aquela menina fazia o que lhe mandavam, para sobreviver naquela terra estranha. Servia na casa de um herói nacional sírio, mas ele estava doente – era leproso.
Ao ver o sofrimento daquela família, falou de um homem de Deus que poderia ajudar o seu amo. O nome do profeta era Eliseu. O do grande militar era Naamã. O da menina... não sabemos. O Rei da Síria escreveu ao Rei de Israel, pedindo que ajudassem o homem forte do seu exército, para que fosse até à pessoa certa e terminasse curado daquela doença incurável.
Se não te lembras do resto da história, podes ler em 2 Reis 5:1-19. Apesar de não querer seguir a “receita” que o profeta Eliseu lhe deu, Naamã tentou e o milagre aconteceu: foi curado de lepra!
Quando leio este episódio, penso: “será que eu teria a mesma coragem daquela menina?” Imagina se Naamã simplesmente recusasse ouvi-la? E se a cura não viesse a acontecer? Era muito arriscado, sendo ela uma escrava. O facto é que não teve medo e, por causa da sua coragem, Naamã fo…

Cordas

Imagem
Passo muito tempo na internet e de vez em quando dou com coisas interessantes. Vídeos, textos, imagens… é só escolher!
Ainda ontem à noite, antes de me deitar, estava a passear os olhos por alguns vídeos e dei de caras com um que achei fantástico. Fala de uma menina que vive num orfanato e que repara num menino com problemas graves de saúde, que não se mexia, nem falava.
Enquanto várias outras crianças olhavam para aquele menino, a Maria foi a única que se chegou perto dele e se preocupou em ser amiga dele. E como ele não se conseguia mexer sozinho, ela usou cordas para brincar com ele. Jogaram futebol, saltaram à corda, fizeram milhentas coisas. E as cordas acabaram por ser algo que os ligou e marcou as suas vidas.
Todos nós temos cordas uns com os outros. Coisas que nos marcam, momentos que não se esquecem. Essas cordas atam-se à volta do coração e se umas são boas, as outras nem por isso. Mas a corda mais marcante que dá uma volta ao nosso ser é Jesus. Não vais encontrar nada na Bíbli…

O trono e os pedestais

Imagem
Quem é o marido que gosta de ser traído? Quem é a mãe que sonha que os seus filhos a mal tratem? Hoje há gostos para tudo, mas... A traição é dura de roer, seja de um cônjuge, de um amigo, de um familiar próximo. Custa muito sentir na pele que fomos trocados, mesmo que venham os pedidos de desculpa. Claro que o perdão é a moeda de troca que o cristão, seguindo o seu Mestre, deve dar, sabendo sempre salvaguardar a sua sanidade física e emocional quanto ao agressor/traidor. Um perdão que Ele nos deu. Um perdão que Ele nos capacita a dar. Um perdão que nos liberta para vivermos segundo a identidade que temos em Cristo, como filhos amados do Pai. Mas a infidelidade pode ser muito mais do que uma traição ao “vizinho do lado”. Podemos trocar Deus, também, por outro(s) objetos ou pessoas da nossa devoção. Já nos tempos do Antigo Testamento, esta verdade surge e, infelizmente, é atual e presente nesta nossa natureza corrompida. Deus, através dos Seus profetas, alertou o Seu povo para o modo com…