As “letras pequenas”


Estávamos a preparar-nos para umas comprinhas, quando descobri um talão desconto de 50% nos meus iogurtes favoritos. “Que bom!” pensei... e comecei a imaginar um delicioso iogurte com fruta, com cereais... enfim, passei as compras a sonhar com os iogurtes (e o desconto!).

Depois de pagar, reparámos que só tínhamos desconto em parte dos iogurtes. Fomos à caixa central para ver o que se passava. A funcionária explicou “realmente tem 50% de desconto, mas só nos packs de 4 iogurtes. Está aqui...”. Quando me mostrou a imagem do talão é que li as “letras pequeninas”. Ela tinha razão... A partir dali comecei a tomar mais atenção às condições das promoções antes de me meter com “sonhos”.

Sabes, a vida com Deus também tem “letras pequeninas” ou seja, certas condições. A salvação, o perdão dos nossos pecados, é garantido por Jesus, quando nos arrependemos e passamos a viver para Ele. E nessa vida, precisamos entender que há um compromisso de parte a parte. Jesus não escondeu de ninguém essas condições. Estão registadas preto no branco, na Sua Palavra.

Seguir Jesus implica deixarmos que a Sua vontade reine sobre a nossa. “Se alguém quiser acompanhar-me, negue-se a si mesmo, tome diariamente a sua cruz e siga-me” (Lucas 9:23, NVI). Envolve também deixarmos que o Espírito Santo transforme diariamente o nosso coração para que as nossas atitudes sejam conforme o nosso Modelo de Vida: Cristo (Gálatas 5:22-23; Romanos 12:1-2). Inclui ainda continuar a segui-l’O dia a dia, sem voltar para trás, para as nossas “manias” e vícios. “Todo aquele que lança mão do arado e depois olha para trás não está pronto para o reino de Deus.” (Lucas 9:62, OL)

Gosto da letra de uma das novas músicas dos Hillsong: “Eu decidi seguir Jesus; Não volto atrás; Não volto atrás; A cruz à minha frente; O mundo atrás de mim; Não volto atrás; Não volto atrás”* Que esta seja a minha oração... e a minha atitude todos os dias.

Estou contigo!

Ana Ramalho Rosa



* “Christ is enough”, Música e Letra: Reuben Morgan e Jonas Myrin, Álbum “Glorious ruins”, Hillsong Live, 2013

in revista BSteen, outubro 2013

Texto escrito conforme o novo acordo ortográfico

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Teresa — até que todos ouvissem...

5 mitos acerca da chamada a tempo integral

“Tá a escaldar!”